Noticias

Apeti realiza reunião com o prefeito Edinho Araújo

01/02/2017

Em busca da efetiva implantação do Parque Tecnológico em Rio Preto


Visando à busca pelo desenvolvimento do setor de TI e, também, da cidade de São José do Rio Preto como um todo, a Apeti se reuniu, no dia 26 de janeiro, com o prefeito Edinho Araújo para discutir a implantação do Parque Tecnológico em nossa cidade.

 

Durante a reunião, a diretoria da Apeti reintegrou o que já havia apresentado ao Edinho enquanto ele ainda era candidato, no Manifesto Rio Preto + TI que, dentre outras propostas, pretende “tirar do papel” os planos de funcionamento do Parque. “Todo o processo de criação do Parque Tecnológico foi acompanhado pela Apeti. Desde a antiga gestão do prefeito Edinho Araújo, ainda em 2008. Não queremos correr o risco de que o Parque Tecnológico se torne somente mais um distrito industrial, nosso intuito é lutar para promover o avanço e o aperfeiçoamento tecnológico de forma efetiva em Rio Preto”, salientou Gilberto Peres Mariano, diretor da Apeti.

 

De acordo com a Apeti, é desejável que os gestores do Parque sejam da área de tecnologia ou entendam de tecnologia para que possam falar a mesma língua, pois, apenas assim, será possível atender às expectativas dos vários atores envolvidos, criando caminhos para melhorias, geração de empregos e para a edificação do setor, afim de transformar Rio Preto em um polo tecnológico reconhecido e coerente.

 

Embora tenha sido inaugurada uma sede para o Parque, ele não existe institucionalmente. Nesse sentido, Paulo Sader, presidente da Acirp, também presente na reunião, destacou a situação atual da própria associação. “A Apeti, por exemplo, não possui uma sede, mas, institucionalmente, todos a conhecem e sabem de suas atividades. Do mesmo modo, queremos que o Parque seja reconhecido por sua importância e pelas ações em benefício de São José do Rio Preto”, salientou Sader.

 

De acordo com o presidente da Apeti, Jean Daher, é muito importante que a ressignificação do Parque Tecnológico para a cidade seja discutida e colocada em prática o quanto antes. “Temos que resolver os trâmites burocráticos e viabilizar que as empresas sejam instaladas no Parque. A Apeti se disponibiliza, a partir de nossos conhecimentos e expertise, a colaborar com a nova prefeitura para que, juntos, possamos suprir o hiato de oito anos transcorridos desde as primeiras conversações sobre o Parque Tecnológico”, disse Daher.

 

Jean Daher também destacou a necessidade de que todos estejam alinhados sobre o conceito do Parque Tecnológico, havendo integração entre empresas, poder público, universidades e as entidades representativas. “É preciso que todos tenham a mesma visão e os mesmos objetivos. No momento que as entidades forem definir seus representantes no conselho do Parque, é importante que levem estes conceitos em consideração para que haja coerência entre os grupos e seus representantes, sempre a favor do crescimento do setor e de nossa cidade”, ressaltou o presidente Daher.

 

A fim de movimentar ações como um Parque Tecnológico, será preciso promover mais reuniões, aprovar um estatuto e criar um Conselho Fiscal. Para agilizar todo esse processo, o prefeito Edinho Araújo, apoiado pelo secretário de Desenvolvimento Econômico e Negócios de Turismo, Liszt Abdala, reiterou seus projetos de dar início a um governo participativo e democrático e se comprometeu a dar total atenção às questões que envolvem o Parque Tecnológico.

 

Por isso, a diretoria aguarda, com a maior brevidade, o prosseguimento das questões abordadas durante a reunião. Segundo assegurou o prefeito Edinho Araújo, uma nova reunião será agendada, no máximo, para os próximos 15 dias.

 

 

 

 

 

Tel. (17) 98211-0045

  Apeti - Associação dos Profissionais e Empresas de Tecnologia da Informação
Av. João Batista Vetorazzo, 805 - BOX 11C - Dist. Ind. Waldemar de Oliveira Verdi
CEP.: 15035-470  |  São José do Rio Preto/SP  |  Email: apeti@apeti.org.br
 

Desenvolvido por Webplus